Top Gear – Análise do clássico jogo de corrida do Super Nintendo

(TODO CONTEÚDO DESSA REVIEW DE TOP GEAR PODE SER VISTO NO VÍDEO ACIMA)
Quando se fala de jogos de corrida para o Super Nintendo, alguns podem pensar no Rock n Roll Racing, Mario Kart ou até mesmo Biker Mice from Mars, mas acredito que para a maioria das pessoas, o primeiro nome que vem na cabeça é o Top Gear.

Desenvolvido Gremlin Graphics, estúdio que ficou mais conhecido por fazer jogos para computadores domésticos, Top Gear é um jogo de corrida que fez muito sucesso no Brasil nos anos 90, porém estranhamente desconhecido em outros lugares do mundo. Já cheguei a ver esse jogo em listas estrangeiras de títulos do super nintendo que ninguém nunca ouviu falar. O compositor Tommy Talarico, o músico que organiza o evento Video Games Live, um concerto que toca músicas de videogames no mundo inteiro, já disse em entrevista que só pedem para tocar a trilha de Top Gear aqui no Brasil. Outros jogos como Street Fighter e Counter Strike foram febre aqui no país, mas são sucessos mundiais. Já o Top Gear talvez seja um dos raros casos de sucesso apenas do Brasil.

Mas o que tem nesse jogo para ter agradado em cheio o gosto dos brasileiros dos anos 90? É difícil responder isso com certeza, mas um comentário da Majorie Bros da revista gamepower sobre o Top Gear 2 me deu uma pista. Lá ela faz uma piadinha citando o Prost, um piloto que correu junto com o Nelson Piquet, um famoso corredor brasileiro de fórmula 1 nos anos 80, o que me fez lembrar que no começo dos anos 90, na data que o Top Gear original saiu, era uma tradição ligar a tv no domingo e ver os brasileiros se darem bem na Fórmula 1. Depois do Nelson Piquet, veio o Ayrthon Senna, considerado por muitos não apenas o melhor brasileiro a competir no campeonato, mas sim o melhor piloto de todos os tempos. Seu talento era fora do comum e assisti-lo era sempre um espetáculo imperdível. O automobilismo era uma febre e para saciar essa sede por velocidade, jogos que simulavam corridas de verdade eram necessários. No Super Nintendo não tinha jogo melhor no estilo do que Top Gear, um jogo de corrida típico daquela época, muito inspirado em outro jogo da mesma empresa chamado Lotus Esprit Turbo Challenger que saiu para o computador Amiga, sendo que Top Gear importa algumas músicas do jogo da Lotus.

top-gear-snes-1

Mesmo que a trilha sonora de Top Gear não seja completamente original, é o ponto alto do jogo, sendo uma das mais bem feitas de todos os tempos, aproveitando o que o super nintendo tinha a oferecer nesse quesito e dando o tom que o game precisava para a corrida ficar ainda mais frenética.

Pode parecer bizarro, mas Top Gear era bem realista para época, simulando corridas parecidas com as de stock car, sendo necessário até a abastecer o veículo ou calcular se o combustível dele vai durar até a próxima volta. Para não ficar muito sem graça, você pode ativar turbos que vão aumentar sua velocidade, mas cuidado, pois só pode usar essa habilidade 3 vezes por corrida e você vai querer guardá-la para quando bater na última volta e precisar manter a sua posição ou para simplesmente avançar em uma reta para garantir as primeiras posições.

Na tela inicial do game, aparece algumas configurações interessantes como colocar o seu nome, escolher o tipo de câmbio e selecionar o carro. Existem 4 veículos disponíveis.

– Carro vermelho – era o que chegava na maior velocidade final, porém também gastava bastante combustível. Foi inspirado na Ferrari 512 TR.

-Carro verde – Era o carro mediano. Não era exatamente ruim ou bom em nada. Foi inspirado do Porche 959.

– Carro Roxo – Conhecido como carro ruim que alguém só jogaria por causa da cor. Foi inspirado no Jagar XJR 15

– Carro branco – Inspirado na Ferrari 228 GTO, era o carro preferido da galera. O mais econômico e que tinha maior aceleração.

Essas opções de carros e cada um ter um comportamento, era um diferencial grande na época, mas também parte do maior problema do jogo: O desequilíbrio. Tem 4 opções de carros, mas uma é visivelmente muito melhor do que as outras. Algumas pistas de grande dificuldade estão no começo do jogo, enquanto outras fáceis se encontram no final. O ideal é que o jogo tivesse um boa curva de aprendizagem, isto é, de pouco em pouco ele deveria ficar gradualmente mais difícil, o que não é o caso. Isso acaba não sendo um problema tão grande assim, principalmente na época.

Esse tipo de jogo, no qual a pista que parece se mover no lugar do carro, era comum na época, mas Top Gear talvez fosse o mais frenético jogo de corrida lançado até então. Não é raro andar por pistas que tem subidas e descidas tão rápidas que fariam muitos pilotos jogar tudo que eles têm no estômago para fora. Aliás, o piloto do seu carro é um personagem de destaque, por incrível que pareça, gritando na corrida usando balões de fala.

A variedade de pistas não decepciona, pois além de terem trajetos bem diferentes, ainda se passam por vários locais do mundo, inclusive Brasil, com pistas no Rio de Janeiro com vistas para o pão de açúcar e em uma floresta tropical, com trecho de deserto que tem placas de “salvem as árvores”, meio que dando a entender que aquela parte da pista foi desmatada. Só espero que a razão daquelas árvores não estarem lá não seja porque alguém resolveu construir uma pista de corrida no meio de uma floresta tropical, né?

top-gear-snes-2

O jogo é feito para jogar com um amigo, tanto que se você jogar sozinho, a tela continuará dividida e o segundo jogador controlado pela inteligência artificial. Jogar com alguém é vantajoso, pois basta um dos corredores terminarem a corrida em uma boa posição para que se avance no game.

Com tantos jogos modernos e com gráficos bem melhores, Top Gear ainda consegue ser um bom jogo? A resposta é sim. A pegada é diferente dos jogos de corrida de hoje em dia, já que é só acelerar e virar para os lados, tomando cuidado para desviar dos obstáculos e por isso mesmo proporciona uma experiência diferente e nada melhor do que experimentar um dos melhores jogos dessa época para entender como as pessoas encaravam a velocidade nos videogames na década de 90.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s